Vacina HPV Quadrivalente

Prevenção:

A vacina de HPV Quadrivalente previne as infecções persistentes e lesões pré-cancerosas causadas pelos tipos de HPV 6,11,16,18. O HPV pode causar: câncer de colo do útero, da vulva, da vagina, do ânus, pênis, orofaringe e as verrugas genitais (condilomas). As verrugas, ou condilomas, podem surgir em diversas partes do corpo, desde os órgãos genitais até lábios e cordas vocais.

É uma vacina inativada, composta pelas proteínas L1 dos papilomavírus humano (HPV) tipos 6,11,16,18, sulfato de hidroxifosfato de alumínio, cloreto de sódio, L-histidina, polissorbato 80, borato de sódio e água para injeção.

Indicações:

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) e a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo) recomendam a vacinação de meninas e mulheres de 9 a 45 anos de idade, e, meninos e jovens de 9 a 26 anos. Homens e mulheres em idades fora da faixa de licenciamento também podem se vacinar, com prescrição médica.

Doses:

São recomendadas duas ou três doses, dependendo da idade de início da vacinação.

– Para meninas e meninos de 9 a 14 anos, 11 meses e 29 dias são indicadas duas doses, com intervalo de seis meses entre elas (0 – 6 meses)

– A partir dos 15 anos e, independente de faixa etária nas pessoas com imunossupressão, são indicadas três doses: a segunda, um a dois meses após a primeira, e a terceira, seis meses após a primeira dose (0 – 1 a 2 – 6 meses)

Contraindicações:

– Gestantes

– Pessoas com histórico de anafilaxia a vacina ou a algum de seus componentes.

Eventos adversos:

– Sistêmicas: (até 37%) náuseas, vômitos e dor de cabeça.

– Locais: (até 17%) dor, vermelhidão e inchaço

– Manifestações alérgicas (até 11%): urticária e prurido

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text. captcha txt